Calendário de 2018 com feriados e possíveis pontes
02/01/2018
Feriados poderão causar prejuízos acima de 11 bilhões na economia
04/01/2018

Azul e Correios anunciam criação de empresa para transporte de cargas

Guilherme Campos presidente dos Correios, e  David Neeleman presidente da Azul, anunciaram uma parceria para a criação de uma empresa para transporte de cargas.

Além da insegurança dos trabalhadores do setor terrestre de cargas, empresas também amargam altas perdas na tentativa de sustentar operações cada vez mais caras com seguros, rastreamento e diversos outros meios para coibir assaltos, o que não é diferente na estratégia dos Correios

A expectativa é que a nova empresa comece a operar em março deste ano e a parceria reduza o custo das mercadorias transportadas com transporte aéreo, que hoje chegam a R$ 560 milhões por ano e caiam de 35% a 40% quando a nova empresa começar a operar.

“Praticamente você não envolve recursos juntando aeronaves existentes com a carga dos Correios. Essa nova empresa passa a transportar com exclusividade a carga de encomendas e postais dos Correios. Esta operação terá custo zero para as duas empresas”, afirmou.

Segundo Campos, a participação da Azul será de 50,01% na nova companhia e a dos Correios, de 49,99%. Disse ainda que a Azul foi escolhida para a parceria por ser a companhia aérea que atende a mais destinos nacionais.

Sobre a parceria

A criação da empresa ainda será submetida a análise do Tribunal de Contas da União (TCU) e do Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU), pois a nova empresa será uma companhia aberta, ou seja, colocará os títulos financeiros em bolsas de valores, por exemplo.

A estimativa é que a nova companhia já comece com a demanda de 100 mil toneladas de cargas por ano (média atual de 70 mil toneladas transportadas pelos Correios mais 30 mil transportadas pela Azul).

De acordo com Campos, os Correios passam por um momento “difícil”, pois houve queda na atividade postal, principal oferecida pela estatal.

“Desde que cheguei aqui só levei pancada, hoje estamos vindo aqui apresentando uma parceria que é excelente para a empresa e excelente para o Brasil. A atividade postal que é o nosso monopólio está acabando não podemos esperar que a empresa definhe até a morte”, disse.

Desafio

Diante de um cenário cada vez mais restrito ao uso de recursos tecnológicos, os correios também adotam suas novas regras para estar de acordo ao fisco. Ontem dia 02 de janeiro, entrou em vigor  a regra para  apresentação de nota fiscal nas encomendas, sujeitas a tributação enviadas pelos Correios.

Nenhuma encomenda será aceita nas agências sem que o documento esteja devidamente afixado externamente à embalagem. A regra, segundo os Correios, é específica para a circulação de mercadorias em território nacional. As importações estão sob legislações específicas.

Confira nossa postagem sobre o aumento do volume de cargas transportadas em 2017 em outro poste de nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE