Home » FTL E LTL: Entenda a diferença por trás dessas modalidades de carga

FTL E LTL: Entenda a diferença por trás dessas modalidades de carga

As siglas FTL e LTL referem-se a capacidade de carga dos caminhões, onde para cada um dos casos existem regras e políticas próprias e diferenciadas. São duas siglas que servem como referência e que possuem características diferentes na contratação de fretes, alterando valores, condições e tempo de entrega das mercadorias.

As siglas FTL e LTL referem-se a capacidade de carga dos caminhões, onde para cada um dos casos existem regras e políticas próprias e diferenciadas. São duas siglas que servem como referência e que possuem características diferentes na contratação de fretes, alterando valores, condições e tempo de entrega das mercadorias.

Elas foram criadas especificamente para o transporte rodoviário e são utilizadas com bastante frequência nesse segmento.

Antes que você comece a ficar preocupado com as siglas, calma! Nesse post, vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre o transporte LTL e FTL para facilitar as suas decisões.

FTL (Full Truckload)


Também chamado de transporte dedicado ou carga lotação, no FTL não há compartilhamento do veículo com cargas de outros embarcadores. Ele se mostra muito vantajoso para casos onde a mercadoria possui grande volume, ou necessite de condições especiais para ser transportada.

Os casos de embalagens que não poder ser empilhadas, ou que precisam de acondicionamento ideal, são exemplos de situações nas quais esse tipo de transporte rodoviário é mais indicado.


Ao contratar o FTL, o embarcador e o destinatário dispõe de todo o espaço do caminhão para transportar sua carga, contando com maior segurança visto que a mercadoria não muda de veículo durante a rota e não passa por armazéns e/ou depósitos, além de ter a opção de lacrar o caminhão, garantindo que não haja manuseio da carga durante todo o percurso. Outro fator de destaque é a agilidade da entrega, uma vez que o veículo segue diretamente do local de embarque até seu destino.

LTL (Less than Truckload)


O LTL, ou transporte fracionado, configura o tipo de frete para contratantes que desejam transportar mercadorias em pequenas quantidades. Dessa forma mercadorias de diversos contratantes são transportadas, para diferentes destinos, em um mesmo veículo, agrupadas em condições iguais.


No quesito segurança, o manejo de cargas entre veículos ao longo do trajeto e os múltiplos locais em que uma determinada embalagem passa antes de chegar ao seu destino, expõe o produto a perdas e danificações. Ademais, não é adequado para mercadorias que necessitam de condições específicas, como produtos com certo grau de incompatibilidade, visto que não há como atender diferentes especificidades em um mesmo caminhão.

LTL: Vantagens e desvantagens

A principal vantagem do transporte LTL é o custo. Assim como a sua carga divide espaço com outras, você também divide os custos com outros importadores e exportadores que contrataram o mesmo transporte. Portanto, essa opção pode ser atrativa para quem trabalha com cargas pequenas e um orçamento apertado. No entanto, ela oferece menos segurança e agilidade.

Aliás, esse é um ponto importante: como a transportadora precisa encontrar outras cargas que sejam compatíveis com a sua e que, juntas, preencham a capacidade do caminhão, todo o processo de preparação para o embarque pode acabar sendo um pouco demorado.

Portanto, essa modalidade não é a ideal para quem tem urgência, ou se a carga exigir condições especiais.

FTL: Vantagens e desvantagens

Como você já deve imaginar, o principal obstáculo dessa modalidade é o preço. Afinal, você vai arcar sozinho com todos os custos que a transportadora considera para calcular o frete internacional.

No entanto, não analise a situação apenas por esse aspecto. Na verdade, olhando para as vantagens, é possível dizer que elas justificam o investimento extra de ter um transporte dedicado para sua carga, mesmo que você não tenha um grande volume para embarcar.

Uma das vantagens do transporte FTL é a proteção da integridade da carga, que pode ser acondicionada em melhores condições. Outra vantagem é o menor extravio e perda, devido a erros na separação das cargas.

Outro aspecto positivo é que, nessa modalidade, a carga não precisa ser consolidada nem desconsolidada, isto é, agrupada ou desagrupada das outras que estão dividindo a mesma unidade.

Sem esses procedimentos, o processo do transporte FTL é mais ágil, tanto no embarque quanto na chegada.

As vantagens ainda continuam…

Ao utilizar o transporte FTL, você tem mais flexibilidade para construir um planejamento estratégico e empregar inteligência logística para ganhar mais em agilidade e desempenho.

Em suma quando o contratante precisa despachar pequenos volumes para diferentes locais, sem um prazo justo e estando disposto a danos em sua carga, o LTL pode ser uma opção. Todavia, havendo necessidade de uma entrega mais rápida, de agendamento ou janelas definidas, com segurança certa, além de grandes volumes a serem transportados ou materiais específicos, então o FTL acolhe melhor o serviço.

Nós atendemos àqueles que precisam do frete dedicado, com cobertura ampla de localidades a nível nacional, sempre visando a melhor qualidade das entregas.

1 comentário em “FTL E LTL: Entenda a diferença por trás dessas modalidades de carga”

  1. Pingback: FIFO - O que é e qual a importância desse sistema de armazenamento? - Transporte, consolidação e otimização de cargas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − sete =