Notice: A função WP_Scripts::localize foi chamada incorretamente. O parâmetro $l10n deve ser um array. Para passar um dado arbitrário para os scripts, use a função wp_add_inline_script() ao invés. Leia como Depurar o WordPress para mais informações. (Esta mensagem foi adicionada na versão 5.7.0.) in /home/uppertru/public_html/wp-includes/functions.php on line 5835
Pular para o conteúdo
Home » Motorista de caminhão carregado de gás morre em acidente na divisa de Chapecó com RS

Motorista de caminhão carregado de gás morre em acidente na divisa de Chapecó com RS

Motorista de caminhão carregado de gás morre em acidente na divisa de Chapecó com RS

O motorista de um caminhão carregado de botijões de gás morreu em um grave acidente na manhã desta terça-feira, dia 20, na região do Goio-Ên, na RS-406, entre a divisa de Chapecó com o Rio Grande do Sul.

De acordo com informações preliminares, o caminhão, com placas de Sapucaia do Sul (RS), colidiu em um bitrem, com placas de Santa Bárbara do Sul (RS). O motorista do caminhão morreu ainda no local.

O Serviço de Atendimento Movél de Urgência (Samu) esteve no local da ocorrência. Não foram repassadas informações sobre outras vítimas.

Número de acidentes com motorista de caminhões nas rodovias federais cai; mortes aumentam

O Atlas da Acidentalidade 2018 traz um panorama geral dos acidentes de trânsito nas rodovias federais do País e revela que em 2017 o total dos acidentes envolvendo todos os tipos de veículos foi de 89.396. Desses, em 27,45% (24.547) teve o envolvimento de caminhões. Em relação ao número de feridos graves no mesmo período, houve uma redução de 12,4%, totalizando 4.371, se comparado com 2016, quando registrou 4.990. 

As principais causas e seus respectivos índices médios de gravidade são: ultrapassagem indevida (7,1); desobediência à sinalização (6,5); velocidade incompatível e ingestão de álcool (5,7) e dormindo (5,4). 

Desde 2011, observa-se uma tendência de queda no número médio de mortos por dia, em acidentes envolvendo caminhões. Essa tendência tem permanecido estável nos últimos 3 anos, com 7 mortes/dia. 

O portal mostra, ainda, os cinco trechos de rodovias federais que em 2017 apresentaram maior índice de periculosidade em acidentes com caminhões, indicando o número de veículos envolvidos, o número de vítimas e as principais causas. Nessas localidades foram registrados 264 acidentes no total, envolvendo 773 pessoas, que resultaram em 56 mortes. 

1 comentário em “Motorista de caminhão carregado de gás morre em acidente na divisa de Chapecó com RS”

  1. Pingback: Caminhão atropela e mata idosa ao dar marcha à ré em Araguaína - Transporte, consolidação e otimização de cargas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *