Pontualidade nas entregas
14/07/2018
Paraná dispensa uso do DAMDFE nas operações internas
19/07/2018

Roubo de cargas: Polícia Federal deflagra Operação Transbordo

Roubo de cargas: o fantasma secular que tira o sono de muitas empresas de transporte de cargas.

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta terça-feira, 17, a Operação Transbordo contra um esquema de furto e receptação de cargas e caminhões em diversos Estados do Nordeste e Sudeste.

O grupo, segundo a PF, valia-se de falsas comunicações de crimes de roubo, além de adulteração de veículos, golpes em seguradoras e outros delitos.

Rodovias com maior índice de roubo de cargas e caminhões

A PF cumpre com a operação transbordo, 173 mandados judiciais expedidos pela 17ª Vara Criminal de Maceió (AL), sendo 106 mandados de busca e apreensão, 64 mandados de prisão e três mandados de interdição de empresas envolvidas em receptação de mercadorias.


CRÉDITOS DO VÍDEO JOVEM PAM

O esquema contava com a participação dos motoristas dos caminhões, os quais simulavam terem sido sequestrados por assaltantes, enquanto outros integrantes realizavam a desativação dos dispositivos de segurança do caminhão e a subtração da carga, sendo que ao final o motorista comparecia em um órgão policial para realizar falsa comunicação de crime.

Contratar caminhoneiros autônomos não é uma tarefa simples, que pode ser executada sem critérios bem definidos. É importante saber como analisar o perfil adequado para a prestação do serviço e principalmente o histórico do mesmo no segmento. Há um procedimento chamado gerenciamento de riscos que auxilia nesta tarefa. – Saiba como contratar caminhoneiros sem preocupações.

A Uppertruck realiza o gerenciamento de riscos em todas as operações de transporte em que participa. O sistema Uppertruck é formatado com tecnologia mobile para identificação facial e documental, minimizando riscos. Nosso índice nos últimos 3 anos é de 0% com roubos.

A investigação foi realizada pela Superintendência da Polícia Federal em Alagoas e contou com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) durante as investigações.

Os mandados estão sendo cumpridos nos Estados de Alagoas, São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Ceará e Pernambuco. Estima-se que o esquema tenha causado um prejuízo superior a R$ 8,6 milhões apenas em relação à subtração de cargas e caminhões.

Saiba como previnir sua empresa contra o roubo de cargas com pequenas orientações aos motoristas.

Adaptação: Fonte G1

Deixe uma resposta

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE