Quadrilha presa na região do Vale depois de rastreador emitir sinal de localização.

Chapa raiz
10/10/2018
Caminhoneiros são levados a cativeiro para roubo de caminhões em Minas.
17/11/2018

Quadrilha presa na região do Vale depois de rastreador emitir sinal de localização.

Serviço cada vez mais procurado até mesmo em companhias de seguro, o rastreamento tem desempenhado um trabalho de salvação em 90% dos roubos veiculares.

Nesta semana, um guincho foi acionado para o socorro de um caminhão e juntamente um outro cavalo mecânico seria utilizado para o resgate do semi reboque e, quando estavam em comboio juntos foram interceptadas por uma quadrilha que roubou os 3 veículos de uma só vez.

Segundo informações, o rastreador oferecido pela ACAV – Associação dos Caminhoneiros Autônomos do Vale, emitiu sinal GPS ontem, no dia 15/11 às 04:00hs da manhã em Taubaté no, Bairro Quiririm sentido Campos de Jordão.

Na abordagem foram presos dois elementos e outros quatro fugiram. Os veículos estavam no estágio de desmanche.

O local encontrado era um galpão recém alugado pela quadrilha. Dois elementos eram do bairro São Mateus em São Paulo.

As quadrilhas especializadas na prática deste crime utilizam dispositivos bloqueadores de sinal, os conhecidos “Jammers”.

Jammers são dispositivos que funcionam com o sistema multifrequencial , inibidor de sinais GPS/GPS, mais utilizadas em dispositivos Mobile.

Embora ilegais e proibidos pela ANATEL -Agência Nacional de Telecomunicações, esses dispositivos são facilmente encontrados em nos mercados on-line, fabricados na China, Estados Unidos e outros países.

Inicialmente os dispositivos eram utilizados em missões militares e hoje em dia também no bloqueio de comunicação em penitenciárias, Mas deixou a de ser um equipamento restrito e encontrado facilmente em poder de quadrilhas.

Resta agora um preciso controle de segurança sobre a venda destes também punido quem os comercializa.

Deixe uma resposta